Sales Coaching

3 dicas para ter um perfil do LinkedIn focado no cliente

Compartilhe este Post:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Perfil do LinkedIn

O seu perfil do LinkedIn é um currículo on-line completo? Se sim, ele conta toda a história de quem você foi, o que você fez, as empresas pelas quais passou e as experiências que você acumulou.

Tudo isso é ótimo, mas não é o que seu cliente quer saber.

Se você vê o seu perfil do LinkedIn como uma forma on-line de currículo, você está perdendo a oportunidade gerar leads entre as suas conexões.

As pessoas não compram de quem você foi, elas querem saber quem você é hoje e como você está ajudando outras empresas.

Não pense no seu perfil do LinkedIn como um CV. Pense em educar seu prospect em como ele pode melhorar!

Você quer ter um bom currículo na rede ou um excelente cartão de visitas comercial?

Dependendo do seu segmento alvo, uma parcela significativa dos seus prospects estão no LinkedIn e podem estar dispostos a conhecer a forma como você ajuda outras empresas.

Então, na hora de construir um perfil do LinkedIn assertivo para vendas, a principal pergunta não deve ser “quem sou eu?”. Mas, sim, “o que o meu lead está buscando? Qual é o foco do meu lead?”

Seu lead tem questões, você tem as respostas. As soluções para tais dores precisam estar no seu perfil do LinkedIn.

Um perfil estratégico demonstra sua autoridade, experiência e diferencial. Se você busca fomentar negócios é preciso se destacar no mar de oportunidades e pessoas que é essa rede social.

Para alcançar resultados no LinkedIn é preciso ter um posicionamento sólido, focado no cliente, nas prospecções.

Para transformar conexões em conversões, o seu perfil do LinkedIn precisa ser:

  1. Completo e estratégico;
  2. Ativo e atrativo para a persona;
  3. Fonte de conteúdo de valor sobre o seu setor.

 

Perfil do LinkedIn completo e estratégico

Antes de falar do que um perfil do LinkedIn precisa para ser completo e, principalmente, estratégico, vou pontuar: um perfil campeão não necessariamente é um perfil apto a prospectar, forte o suficiente para vender.

O que o LinkedIn reconhece como um perfil campeão é o mínimo. Basta completar informações como:

  • Foto de Perfil
  • Resumo
  • Experiências
  •  Localidade e Setor
  • 5+ Competências
  • Formação Acadêmica

Um perfil campeão tem um certo número de campos preenchidos, mas quantidade nem sempre é qualidade, não é mesmo? O seu esforço não pode terminar quando o In te dá um troféu.

Na verdade, é importante que o seu esforço seja contínuo, mas vamos falar sobre isso mais adiante.

Um perfil completo e estratégico apresenta um posicionamento coerente e informações de qualidade, precisas e direcionadas aos leads.

Entenda qual é o seu objetivo no LinkedIn e se guie por ele para extrair o máximo que essa rede pode oferecer.

Um perfil do LinkedIn focado no cliente tem:

Uma boa foto de perfil

Não ter uma foto no seu perfil do LinkedIn é um problema considerável, é um erro primário. Muitas pessoas nem sequer aceitam pedidos de conexão de perfis sem foto.

Além disso, perfis com foto de perfil recebem muito mais visualizações.

Na hora de escolher a foto, escolha uma recente e se atente aos seguintes elementos:

Rosto:

Perfil do LinkedIn

Sorrir é importante, assim como olhar diretamente para a câmera. Significa que você está transmitindo a intenção de se conectar com quem vê seu perfil. Demonstra que é acessível, aberto e disponível.

É importante que não haja sombras ou distorções, seu rosto deve estar reto e a luz deve ser frontal.

Composição:

Perceba se o fundo é adequado, limpo e uniforme. Além disso, o enquadramento é importante. Seu sorriso deve ser o centro da foto.

O zoom também é um fator essencial, a foto deve ser no estilo 3×4, mostrando os ombros, mas com o foco no rosto.

Edição:

A foto não deve ser demasiadamente editada, é importante que seja o mais natural possível. Evite fotos em preto e branco, elas geram um certo distanciamento.

DICA: se você está em dúvida sobre a qualidade da sua foto, pode usar a inteligência artificial para analisar quão boa está a sua foto de perfil do LinkedIn através do Snappr.

ATENÇÃO: não adianta você preparar a sua foto e deixar ela oculta para conexões de segundo e terceiro grau. Confira nas configurações como seu perfil está configurado.

 

Banner

O seu Banner deve ser fiel ao seu objetivo na rede.

Se o seu foco é mostrar que você é uma autoridade, aposte em uma foto dando uma palestra, um curso ou recebendo um prêmio.

Se você quer mostrar liderança, trabalho em equipe, empatia e boas relações, use uma foto na empresa com seu time.

Se você é um colaborador entusiasmado e apaixonado pela sua empresa, tudo bem ter uma capa com a logo, as cores e os produtos; Até mesmo a frase com o slogan ou a missão da companhia pode aparecer.

Se você apenas quer mostrar qual é o seu nicho, pode escolher uma foto de um banco de imagens que traduza bem o seu setor.

O importante é que a foto do banner do seu perfil do LinkedIn seja estratégica e fale por você, demonstre um pouco do seu estilo. Mesmo que você não esteja presente na imagem, ela deve expressar sua personalidade.

Essas imagens direcionam o olhar o seu lead, constroem, à primeira vista, uma narrativa sobre quem você é.

Dica: no Canva.com você pode criar o seu banner sem custo e com as medidas padrão. Na busca do Canva digite “banner LinkedIn”.

Medidas do banner: 1584 x 396  I  4:1 Ratio

Depois das fotos, o que as pessoas mais olham no seu perfil do LinkedIn é o seu título:

Título

Logo abaixo do seu nome, o seu título vai conter palavras-chave para facilitar encontrarem você. O algoritmo do LinkedIn funciona como o google para realizar uma busca por assuntos. Ele vai varrer as páginas e encontrar aquelas que possuem a palavra-chave. O nome disso é SEO (Search Engine Optimization) e aqui o objetivo posicionar seu perfil nos primeiros resultados para o mecanismo de buscas do LinkedIn.

A tática que ensino no curso Fundamentos do LinkedIn é responder três perguntas para elaborar seu título:

1 – Quem eu ajudo?

2 – Como eu ajudo?

3 – Por que estas pessoas deveriam se importar com você?

São 220 caracteres para responder estas três perguntas.

Essa parte do seu perfil do LinkedIn precisa deixar claro o que você faz, qual é a sua expertise e como você pode ajudar o seu lead.  É como um slogan profissional.

 

Sobre

Essa seção é outro exemplo do uso estratégico da palavra-chave. Aqui você tem muito mais espaço, apesar que apenas as 3 primeiras linhas ficam visíveis para quem passeia pelo seu perfil do LinkedIn.

Considerando o alerta anterior das três primeiras linhas, sugiro iniciar seu texto chamando a atenção do seu prospect. Deve preencher com alguma dor que ele se identifique.

Minha dica é que você estruture seguindo a seguinte ordem de conteúdo:

  • Chamar atenção: Que tipo de informação pode fazer seu prospect parar e investir um tempo?
  • Desafio: Quais são suas dores e principais desafios de negócio? Mostre que você conhece o dia-a-dia dele e do seu segmento de mercado.
  • Insights: Que tipo de dicas e conteúdo educativo você pode compartilhar para mostrar que você está passando conhecimento antes de exigir dele uns 20 minutos da agenda?
  • Como eu ajudo: Que impacto de negócio você pode demonstrar ao seu prospect?
  • Call to action: Coloque uma chamada para um próximo passo, uma facilidade para falar com você.

Olhe no meu perfil esta seção para ter uma ideia concreta do que estou recomendando.

 

Histórico Profissional

Experiências de trabalho, formação acadêmica, trabalho voluntário, licenças e certificados. Todos esses são tópicos para preencher de forma estratégica.

Isso quer dizer que você tem espaço para falar sobre cada um dos elementos que compõem seu histórico profissional.

Assim, quando você adiciona uma experiência, pode colocar na descrição mais do que quais eram as suas funções. A ideia é que você demonstre o que aprendeu, qual foi sua evolução ali, como se destacou.

Projetos inovadores, contribuições, aprendizados, marcos durante sua trajetória na empresa, focalizando sempre palavras-chave que possam exaltar aquilo que o seu lead pode querer ver são elementos muito bem-vindos.

E não são apenas as experiências profissionais que contam. O aprendizado também é valioso, diz muito sobre você.

 

Competências

Resumem as suas habilidades. Competências são palavras-chave que definem no que você é bom, em que você se destaca.

Você pode incluir até 50 habilidades, escolhendo entre hard skills (habilidades técnicas) e soft skills (habilidades interpessoais).

Nesse espaço, não adianta focar apenas nas habilidades técnicas, é preciso se destacar através das soft skills.

Você pode escolher 3 das suas principais habilidades para destacar. É legal que as suas competências sejam recomendadas por pessoas que já trabalharam com você, isso te dá reconhecimento e autoridade.

 

Agora que você sabe o que é preciso para ter um perfil completo e estratégico, vou te mostrar como atrair a sua persona.

 

  1. Perfil do LinkedIn ativo e atrativo

Aqui entra o tal do esforço contínuo. Um perfil do LinkedIn atrativo é mais do que todos os campos cuidadosamente preenchidos. É a interação constante que dá vida ao perfil.Perfil do LinkedIn

Imagine entrar em um perfil sem atividades há mais de um ano, o que você pensa? A pessoa não está ativa, é um fantasma na rede. Isso desestimula o lead, o repele.

O LinkedIn precisa ser um hábito!

É através da sua interação com outras pessoas do seu setor que mais e mais conexões vão chegando, que as suas publicações vão aparecendo para mais pessoas e que você se destaca.

A capacidade de construir relacionamentos, oferecer insights e cultivar pessoas também é observada pelo seu lead. Mas não se esqueça: foco no seu nicho!

Compartilhar, comentar e reagir são formas de se envolver, demonstrar disponibilidade, construir networking e se posicionar.

Outra forma de se destacar é produzindo conteúdo de valor.

 

  1. Conteúdo de valor sobre o seu setor

Você pode criar conteúdo no LinkedIn de duas formas: através de posts ou artigos. Os artigos não têm limites de caracteres, já os posts podem conter até 3000. O que já é muito, concorda?

As publicações no seu perfil do LinkedIn devem ser direcionadas ao seu lead. Algumas dicas para criar bons conteúdos são:

  • Estude as dores da sua persona e crie posts que funcionem como soluções, que sejam úteis para quem visita seu perfil.
  • Demonstre sua expertise, publicando sobre tendências do seu setor.
  • Conte uma história que ressalte alguma competência sua, pode ser uma narrativa de superação, por exemplo, que gere identificação.
  • Fale sobre seus aprendizados.
  • Mostre um case de sucesso.
  • Escreva um conteúdo técnico, seu teor instrutivo pode ser interessante para a sua persona e ser bem recebido pelos seus colegas do setor.
  • Posicione-se como uma pessoa ativa e atualizada, fale sobre cursos, especializações ou participação em eventos.
  • Aposte em vídeos, de acordo com o LinkedIn, são o tipo de mídia que mais engaja.
  • Incite trocas, crie conteúdos que possibilitem interações via comentários, lançando questionamentos.

O seu perfil do LinkedIn pode ser uma ferramenta de vendas, basta explorar ao máximo o seu potencial. Se você quer colocar em prática estas e outras táticas importantes, sugiro conhecer meus dois cursos online de Social Selling:

Ficou com alguma dúvida? Eu posso te ajudar! É só deixar um comentário.

 

Marcos Mylius

Marcos Mylius

Mais de 25 anos de carreira na área de Vendas em empresas líderes da indústria de Tecnologia da Informação como Microsoft, IBM, Oracle, SAP, TOTVS e Resultados Digitais. Especialista em vendas complexas para empresas (B2B - Business to Business). Sou um apaixonado pelo conteúdo de vendas, geração de valor e Social Selling.

Marcos Mylius

Marcos Mylius

Mais de 25 anos de carreira na área de Vendas em empresas líderes da indústria de Tecnologia da Informação como Microsoft, IBM, Oracle, SAP, TOTVS e Resultados Digitais. Especialista em vendas complexas para empresas (B2B - Business to Business). Sou um apaixonado pelo conteúdo de vendas, geração de valor e Social Selling.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marcos Mylius Blog

Marcos Mylius

Escritor, Instrutor, Palestrante Especialista em Vendas B2B

SOCIAL SELLING 4.0

Avaliação 5 Estrelas na Amazon

SALES COACHING B2B

PUCRS – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Últimos Posts

Siga a Página

Cursos Online

Conheça Mais

Blog de Vendas e Marketing B2B

Conteúdo exclusivo da Sales Coaching para você Atrair, Engajar e Conquistar clientes

Faça seu cadastro no formulário ao lado e receba todas as novidades e conteúdos exclusivos da Sales Coaching.

    Nome*
    E-mail*